Douro
Vidago Palace Golf Course

O excelente campo de golfe do Vidago Palace foi redesenhado pela firma Cameron & Powell a partir dum original de Mackenzie Ross, construído em 1936. Presentemente o percurso foi totalmente reconstruído de acordo com as especificações da USGA para greens e tees, tendo sido transformado num campo Par 72, potenciando a realização de campeonatos internacionais, mantendo a identidade do desenho original e reflectindo fielmente a beleza, as qualidades únicas para a prática deste desporto, o espírito e o sinal distintivo do lugar.

As suas características incluem tees e greens em níveis elevados, localização estratégica dos bunkers e greens que requerem uma visão perfeita para avaliar o seu desnivelamento. Em resultado, o percurso de golfe do Vidago Palace irá encantar e desafiar o mais experiente jogador.

No percurso de golfe existem grandes contrastes que têm em comum o respeito especial pela envolvente natural. Uma imagem de marca deste campo são os muros de suporte de todos os tees, construídos em pedra local e as árvores centenárias que foram conservadas na sua quase totalidade.

Os primeiros quatro buracos, jogados no seio do parque centenário, antecipam os 11 seguintes, construídos de raíz no vale da Oura. Os últimos três jogam-se na parte superior do parque centenário com a vista espantosa e magnífica de colinas e aldeias. Todos os buracos constituem um desafio e cada um dos últimos nove é completamente diferente do anterior, de modo a que os golfistas possam testar e apreciar todo o leque de pancadas.

Par 72
Comprimento 6.308 metros
Inauguração 1980
Arquitecto Mackenzie Ross (percurso original de 1936) e Cameron & Powell (layout actual)